terça-feira, 12 de abril de 2011

Em dias frios...

 As vezes, em dias frios, fecho meus olhos, e me pergunto, porque é tão difícil admitir o que sentimos pelos outros. Não era para ser algo fácil? Você chegaria para a pessoa e falaria "Eu gosto muito de você", e então você saberia se valeria a pena ou não. Mas isso não é tão simples, não é tão fácil na prática, do que na teoria.
Aí eu me pergunto, porque eu passeis noites em claro, aulas chatas, e horas e mais horas, pensando em nós dois? Se nem você teve coragem de admitir o que sentia por mim, e nem o que eu sentia por você? Será que por eu ser a garota na história, e ter medo de receber um não perdemos a nossa chance? 
Eu não posso ficar pensando em serás, porque eu não tive coragem de dizer que estava completamente apaixonada por você, e que ali, no fundo do meu peito, eu sei que eu ainda sinto algo por você.
Estou aqui completamente sozinha, sentindo o frio invadir o meu corpo, e a minha mente, e contenho minhas lágrimas, prometi que não poderia mais chorar por ninguém. Uma promessa que não sei se poderei cumprir.
Levanto de onde estou, ergo meus ombros, empino a cabeça, e penso "Dane-se, já perdi tempo demais esperando por você". Não vou tomar atitudes, mas também não vou mais chorar.
Eu sei que não adianta chorar por alguém que não me merece, e se me merece, vai precisar mostrar que gosta de mim. Assim como qualquer garoto, deve demonstrar que valoriza a menina que gosta, assim como devem ser capaz de não fazê-la sofrer, pela dúvida.
Mas então eu lhe pergunto depois de um discurso inflamado pelos meus sentimentos confusos, eu acho que ainda gosto de você, mas e você, o que sentes por mim?



Por B.

2 comentários:

  1. nossa, adorei, parebéns msm!

    ResponderExcluir
  2. Ooooinw Mãe , que Liindo *--* , já rooobeiii , vse dixa neah ?
    tee amo ♥

    ResponderExcluir