quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Diálogo

--E se o amor sorrisse para você? Sorriria de volta?
-Não sei… Depende…
-Do quê?
-Se meu coração estiver sendo idiota, eu mandaria o amor tomar no cu, mas se realmente valesse a pena… Ah… Acho que eu daria um meio sorriso.
-Delicada ao extremo e nem um pouco desconfiada, né?
-Sem ironias, por favor. 
-Tudo bem.
-E você?
-Eu o quê?
-O que você faria se o amor sorrisse para você?
-O que eu sempre faço. Sorrio de volta.
-Como assim você sempre faz?
-Toda vez que você sorri para mim, por mais quebrado ou ferrado que eu esteja eu sempre sorrio para você, porque se o amor lhe sorri, qual é o motivo idiota de não sorrir de volta? Por mais que te machuque, no final sempre vai valer a pena. Aliás… Você fica linda sorrindo como está agora.


P.S: É um texto antigo, mas me faz sorrir. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário