sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Meu bem...

              Fireflies  
A gente vive em um mundo complicado, meu bem. Em um país que não damos uma boa educação ou estressamos os nossos jovens ao ponto de terem níveis de ansiedade altíssimos, porque passar no vestibular, ganhar dinheiro e ter sucesso é só o que importa. Não é algo poético, não é?
                Quer dizer: cadê todo aquele papo de amor e felicidade? Ah! Meu bem... Ele morreu junto com a dignidade humana.
                Você sabe, odeio Marx, mas é verdade quando ele diz que esse sistema corrompe o ser humano, na verdade acho que ele só nos ajudou a chegar mais rápido a decadência e a corrupção.
                Você sabe meu bem, acredito que a história é em ondas e que estamos na última reta antes do verdadeiro fim, ou do começo de uma nova era. Só que com toda essa ganancia, com todos esses senhores da guerra que querem conflitos armados para vender mais armas e ganhar mais dinheiro, o que nós podemos esperar? O fim, meu bem, o fim...
                Mas mesmo que esse seja o fim, não posso deixar de acreditar em amar e ser feliz, para mim esse é o único sentindo que posso encontrar nesse mundo de loucos.
                Você não?

                Vem ser feliz comigo meu bem, que te prometo todo amor do mundo.