segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Resenha do livro: O Oceano no Fim do Caminho

 Bem, para começar eu ganhei o livro de natal. Acho que todo mundo aqui de casa já me escutou falar de quanto o Neil Gaiman escreve bem e de como ele é uma inspiração para mim e como Sandman é meu sonho de consumo... Então ganhei o livro.
Primeiro, apesar da minha cunhada ter lido o livro antes do que eu, simplesmente não fazia a menor ideia do que se tratava, inclusive evitei ler resenhas. Na verdade eu leio mais resenhas de livros que eu já li do que de livros que eu pretendo ler... O que é algo muito bom, porque nas resenhas ás vezes você descobre que deixou alguma coisa passar.
Mas em fim, vamos ao livro. Para começar O Oceano no Fim do Caminho não começou como um romance (livro com mais de 100 páginas). O Neil Gaiman é casado com Amanda Palmer, uma cantora, e no período que ele começou a escrever ela estava na Austrália fazendo o novo album de músicas, ele ficou com saudades e pensou: Vou fazer um conto para ela, para dizer que estou com saudades.
Só que ele acabou escrevendo mais do que ele planejava, e acidentalmente virou um livro de 205 páginas (ao menos na edição brasileira, publicada pela Intríseca. E que eu devo elogiar a capa, pois a minha edição pegou chuva - meu quarto alagou, mas essa é outra história - e o livro esta inttacto) muito bom. E seu primeiro livro para adultos em anos.
O livro conta sobre eventos estranhos que acontecem na vida de um garoto de sete anos (o nome só é mencionado uma vez durante o livro, e para mim ele não tem um nome), porém ele so se lembra disso quando vai até a casa no final da rua que ele morava (que na verdade é uma fazenda) e olha para um lago, que sua amiga Lettie chamava de Oceano.
Ele recorda todos esses episódios e é assim que a história vai se montando. A visão é de um garoto de sete anos que não tem amigos e gosta de ler. Coisas estranhas acontecem com ele, como conhecer a família Hempstock porque um homem que morava em um quarto que já fora dele resolveu pegar o carro da família e cometer suícidio.
E esse suícidio é que é o estopim para todas essas coisas estranhas. Enfrentadas de uma maneira muito natural por ele, porque bem, crianças tendem a entender as coisas estranhas melhor do que os adultos.
Eu adorei o livro, primeiro porque o estilo de escrita de Neil Gaiman é simplesmente fantástico. Segundo porque o jeito como a fantasia é apresentada parece algo realmente natural. E terceiro porque os personagens são muito bons.
A critatividade em criar monstros é uma coisa admirável nas obras do Mr. Gaiman, e nessa não poderia ser diferente. Não é a toa que ele ficou no topo da lista do New York Times.
Eu recomendo esse livro para quem gosta de fantasia, mundos obscuros e coisas estranhas acontecendo com pessoas completamente normais. Ou não tão normais assim, mas que aparentam ser normais.
E o final do livro é simplesmente de cair o queixo, assim como muitas coisas que vão acontecendo. Neil Gaiman sabe tecer um livro do começo ao fim como ninguém, e é impossivel não gostar dessa história (a não ser e claro que você não goste de fantasia).
É uma fábula inspirada e inspiradora. E com uma capa muito signitficativa (na minha opinião). Leiam, porque realmente vale a pena! 

3 comentários:

  1. Adorei a resenha!
    Te indiquei na tag do meu blog,ficaria muito contente em poder ler suas respostas:http://imemoriavel.blogspot.com.br/2014/01/selo-liebster-award.html
    Beijocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada *-*
      Ahh que legal :D Pode deixar que eu vou responder a tag ;) Obrigada por ter me indicado!
      Beijinhos ;3

      Excluir
  2. Ótimo texto de resenha. Meus parabéns! Amei a maneira que vc usou para se expressar, me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo como tema.
    www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir